domingo, dezembro 23, 2007

o advento e a vulgarização do leitor de dvd marcam a transição entre duas maneiras diferentes de encarar o natal. diria mesmo que constitui uma fronteira bem marcada entre duas gerações. os sub-18 de hoje jamais perceberão que estar sujeito à "programação de natal" na televisão não era uma escolha, mas uma inevitabilidade. rever o sozinho em casa vezes sem conta, aturar comédias infanto-adolescentes na tarde de dia 24, os concertos de natal na consoada ao ritmo das meias desembrulhadas, a missa no canal 2. passar rapidamente para o canal 1. bem sei que havia o vhs, mas o clube de vídeo estava fechado. agora, com o dvd disponível 24 horas diárias, já não se dá o devido valor à quadra. sinal dos tempos: ainda não vi o sozinho em casa este ano (mas parece que já deu), mas já tenho ali guardado o belleville rendez-vous e um ou dois tim burtons para suportar o tempo que falta para poder começar a beber.

2 Comments:

Jp said...

Todos bons filmes.... Os que tens para ver, obviamente!

menina limão said...

:P