sábado, junho 23, 2007

"Na vida, o essencial é fazerem-se juízos a priori sobre tudo. Com efeito as massas erram, como é evidente, e os indivíduos têm sempre razão. A tal respeito, é forçoso abstermo-nos de deduzir regras de conduta: para serem seguidas não devem ter necessidade de ser formuladas. Só existem duas coisas: o amor de todas as maneiras, com raparigas belas, e a música de Nova Orleães ou Duke Ellington. O resto devia desaparecer, porque o resto é feio, e as poucas páginas de demonstração que seguem extraem toda a sua força ao facto de a história ser inteiramente verdadeira, já que a imaginei de uma ponta à outra. (...)"

Boris Vian, no prólogo d' A Espuma dos Dias

2 Comments:

menina limão said...

respondi ao teu pedido de ajuda uns posts abaixo.

AF said...

muito bom