sexta-feira, abril 11, 2008

pensamento profundo do dia

puta que pariu o irs.

9 Comments:

na france tem outro nome, mas fode quand même said...

bota puta.

Jp said...

Nha, nha, nha, nha, nha...

Bolseiros são isentos!!

extravaganza said...

Puta que pariu os recibos verdes.

(Se é que me é permitido tal português aqui.)

bolseiro é escravo said...

nha, nha, nha, nha, nha...

tu achas que estar isento durante os próximos 4 anos é uma coisa boa para a tua vida!!

O escravo said...

Quando se faz o que se gosta, o trabalho escravo parece só trabalho forçado. E, para mais, apesar de estar isento, já estou a descontar (e sou reembolsado) por isso não estou mal colocado, não...

gajo que também é bolseiro pede esclarecimento a escravo said...

escravo, já estás a descontar??
(e metem-te no bolso outra vez?)
explica-me lá isso como se eu fosse um bolseiro.

Jp said...

Simples. Podes descontar em regime voluntário para a Segurança Social, e desde que apresentes os recibos de pagamento à FCT, eles reembolsam-tos! Claro que só te reembolsam se pagares o valor mínimo, se quiseres descontar mais em escalões superiores, estás à vontade, mas só o valor mínimo é que é reembolsável.

Precisas apenas de uma declaração de rendimentos da FCT e de umas horas de seca numa fila da Loja do Cidadão (ou equivalente) e depois é só pagar todos os meses por MB. Juntas uns quantos talões e envias uma cópia prá FCT, e eles no mês seguinte reembolsam-te o que pagaste...

João Gaspar said...

vê-se logo que és bolseiro, confundindo irs com segurança social.


(suspiro)

Anónimo said...

http://www.cm2c.pt